Nossas últimas novidades

Home Sites 5 dicas para usar redes sociais e engajar os seus clientes

dicas-redes-sociais

11.07.2021 | Por: administrador

Voltar

5 dicas para usar redes sociais e engajar os seus clientes

Com um público ainda crescente e um investimento inicial baixo, as redes sociais se configuram como uma oportunidade de ouro para empresas engajarem clientes e atrai-los para seus sites. A grande questão é: como?

A população estimada do Brasil é de 211.755.692 pessoas segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgados em 2020. Dessas, 150 milhões estão nas redes sociais conforme divulgado pelo relatório Digital 2021. Ou seja, mais de 70% da população brasileira utiliza alguma rede social no seu dia a dia.

 

Dentro deste cenário, com um público ainda crescente e um investimento inicial baixo, as redes sociais se configuram como uma oportunidade de ouro para empresas engajarem clientes e atraí-los para seus sites e consequentemente, para conhecer seus produtos ou serviços. A grande questão é: como?

 

A resposta a essa pergunta é mais simples do que se imagina: estabelecer um bom plano de marketing digital que integre a comunicação da sua empresa às redes sociais. Vale lembrar que isso  exige dedicação e profissionalismo. Por isso, separamos algumas dicas preciosas para que você possa aumentar os cliques e melhorar cada vez mais os resultados do seu site. Vamos a elas!

 

Ter uma estratégia de social media

Muitas pessoas criam uma página no Facebook, replicam conteúdo produzido para outros contextos e acreditam que isso é o bastante. Muito pelo contrário: estar nas redes sociais apenas por estar pode ser prejudicial para sua marca, pois uma página mal atualizada ou com conteúdo inadequado pode minar sua credibilidade com os clientes.

 

O primeiro passo para criar uma estratégia de social media é definir seus objetivos. Com as metas bem definidas será possível medir o sucesso da campanha através do ROI (Retorno Sobre Investimento). As próprias redes sociais oferecem ferramentas para medir o sucesso de uma postagem como compartilhamento,  likes, se o conteúdo foi salvo ou se houve alguma interação. Mas provar o real alcance disso é uma tarefa mais complexa. A dica é se concentrar na captação de leads (propensos clientes), referências e taxas de conversão. Lembrando que as diferentes redes sociais, exigem uma avaliação personalizada. 

 

A estratégia do social média nada mais é que o planejamento do que quer fazer e o que se espera alcançar nas redes sociais. Todos os posts, respostas, comentários e comentários devem ter um objetivo.  Por isso, é preciso criar uma estratégia que esteja alinhada também à estratégia de comunicação off-line. Assim, você consegue estabelecer um direcionamento claro para seu conteúdo e mantém sua marca coerente em todas as ações de comunicação.

 

Conhecer seu público-alvo

Você já sabe quem é seu cliente ideal e com quem está falando? Então é hora transferir esse perfil para as redes sociais. Quais são as redes mais acessadas por eles? Como eles se comportam em cada uma delas, como postam e como interagem? A partir das respostas a essas perguntas você consegue desenhar sua estratégia e descobrir as melhores maneiras de engajar seus clientes.

 

Um mercado-alvo ou público alvo, como chamamos aqui, se resume em um grupo de clientes dentro do mercado disponível acessível para uma empresa. Ao descobrir quem são essas pessoas, seus hábitos e preferências, a empresa direciona seus esforços e recursos de marketing para atraí-la. 

 

Isso porque essas milhões de pessoas que existem no mundo não são uma massa homogênea que se movimenta e pensa igual. Ao descobrir a sua persona, seu público, seu mercado, a sua empresa reduz suas características em comum, delimita o alvo, e foca em atender seus desejos mais específicos. 

Um exemplo de persona que tem feito sucesso em todos as redes sociais é o da Netflix. De maneira descontraída suas redes sociais trazem dicas de filmes, listas personalizadas, piadas internas que geram engajamentos desejados por todo perfil.  A Netflix descobriu como seus clientes gostam de ser abordados e informados de seu conteúdo. Por isso é sucesso estrondoso.

Oferecer conteúdo relevante para engajar clientes

Sabe aquele vídeo com centenas de milhões de visualizações? Sucesso garantido para os seus perfis de social media, certo? Não necessariamente. Na dica anterior, falamos sobre conhecer seu público, justamente porque o conteúdo que você oferece tem que ser relevante para ele.

 

Imagine que você gerencia uma página sobre transporte rodoviário. Um vídeo com um neném bonitinho dando gargalhadas, por mais que tenha milhões de visualizações e curtidas, não é relevante para o seu público — não acrescenta nada, nem está relacionado ao assunto da sua página. Você até vai divertir algumas pessoas, mas não vai conquistar clientes. 

 

Despertar interesse é fundamental para engajar os clientes, mas tem que ser os interesses que levam a necessidade do seu produto. Por isso, mantenha uma linha editorial bem definida e produza conteúdo que vá interessar seu leitor, que deixe seus olhos brilhando e com aquela vontade de acessar o seu site para ler mais.

 

As redes sociais são um lago cheio de peixes e o seu conteúdo a isca para atraí-los até seu barco. O conteúdo que se oferece lá gera um posicionamento de marca. Mostra o que você faz e qual seu nível de autoridade no assunto. Por isso, manter a periodicidade vai garantir que os leitores criem o hábito e se informem pelo seu canal, além de indicar para outras pessoas de interesses semelhantes. Depois de fisgar, é só garantir o bom atendimento comercial, seja off ou online, que será sucesso garantido.  

 

Não fazer apenas propaganda

Falamos acima do conteúdo certo? Ninguém vai seguir uma página apenas para ver publicidade de empresas. Então, atenção à porcentagem de postagens nas suas redes voltada diretamente para propaganda do seu site. O ideal é que, quando muito, elas sejam no máximo 30% do seu conteúdo.

 

As redes sociais são uma vitrine que cabem mais que o produto e uma etiqueta. O universo da comunicação pode ser muito explorado nos canais, seja Facebook, Instagram, Tik Tok, Linkedin ou Twitter. Por isso usá-las como ferramentas de reforço de marca é tão importante. A propaganda deve estar lá, mas de forma mais discreta. Se posicione como autoridade nos assuntos relacionados a sua oferta de serviço ou empresa. Se seu negócio é de Pet Shoppings, por exemplo, ofereça dicas de limpeza de ambientes com cães e gatos, brincadeiras para fazer com os pets, ou dicas de saúde como vacinas mais importantes. 

 

Um termo mais recente que define bem essa estratégia é o funil de vendas. Nesse modelo estratégico de comunicação feita por estágios, se estrutura toda a jornada de compra de um cliente em potencial. A classificação do funil de vendas é a seguinte: Aprendizagem/descoberta e Reconhecimento do problema Decisão Ação. A aprendizagem pode vir do seu conteúdo das redes sociais e levar às etapas seguintes. 

 

Interagir com o público nas redes sociais

Um dos principais motivos para desenvolver uma estratégia de social media é a possibilidade de iniciar uma conversa com seus clientes. Elogios, críticas, perguntas: sempre tire um tempo para ler, responder e entrar em contato com quem fala com você. Assim, você consegue se estabelecer como parte da vida do seu cliente, alguém com quem ele pode contar. Vale lembrar que às vezes as reclamações podem se tornar oportunidades para crescer e melhorar seu plano de comunicação e marketing digital.

Além disso, a facilidade de interagir nas redes sociais deu início ao chamado SAC 2.0, quando clientes usam esse canal para tirar dúvidas e, muitas vezes, solucionar problemas. Esse pode até não ser o seu objetivo principal, mas deve ser parte da sua estratégia de social media. Isso porque as pessoas se comunicam mais pelas redes sociais do que por qualquer outro meio de comunicação ultimamente. 

 

Seu site deve ter um espaço para receber sugestões ou críticas, mas certamente as redes sociais serão mais utilizadas. Os celulares estão nas mãos daqueles 150 milhões de brasileiros por horas por dia. Usar o telefone para uma ligação é uma prática já considerada ultrapassada. 

 

Se alguém interage em suas redes sociais com uma mensagem, ela espera receber a mesma atenção de volta. Curta os comentários positivos, responda os negativos com educação e prestatividade, utilize emojis, e mantenha a linguagem estabelecida dentro do plano de marketing. Sua empresa fala em primeira pessoa? em terceira? Tem um mascote? é mais coloquial? mais formal? 

 

Agora que você sabe dessas dicas, pense na sua estratégia de social media e reflita: o que você está fazendo para engajar seus clientes? Compartilhe suas reflexões com a gente e, para ver essas dicas aplicadas na prática, curta nossa página do Facebook!

 

Posts Relacionados

erros-comuns-de-usabilidade-que-o-seu-site-não-pode-cometer
  • Data: 12.08.2021
  • Por: Por: administrador

4 erros comuns de usabilidade que o seu site não pode cometer

Atualmente muitas empresas estão investindo na criação de sites com o objetivo de iniciar uma presença digital no entanto, é preciso ter cautela para que essa atuação não seja um fracasso. Um dos principais motivos desse insucesso na internet...

Saiba Mais

SEU NEGÓCIO NO TOPO?

VAMOS CONVERSAR

icone do titulo Certificações

semrush-logo
google-meu-negocio-logo
facebook-certificado-01
facebook-certificado-02
rd-station-certificado
parceiro-de-sucesso-certificado
imbound-certificado

Fale conosco pelo Whatsapp