Qual o melhor horário para postar nas redes sociais?

09.07.2021 | Por: administrador

Facebook, Twitter, Instagram, Linkedin. Cada rede social tem suas próprias características e tende a atrair públicos diferentes de comportamentos distintos. Além das diferentes dinâmicas de cada rede e do tipo de conteúdo que funciona melhor em cada uma delas, outra questão a ser considerada é o horário de pico, ou seja, quando se tem mais usuários acessando as plataformas.

 

Para que você possa adaptar sua estratégia, preparamos um guia com os melhores horários de postagens em redes sociais. Os números foram compilados de um estudo conduzido pela Sprout Social, divulgado em 2021,  e outras avaliações de especialistas e outros estudos. Em seguida, elencamos algumas dicas para potencializar seu conteúdo nessas mídias. 

 

Confira!

 

Facebook

O Facebook é uma das redes sociais mais utilizadas atualmente. Por lá, os usuários trocam mensagens pessoais e comentários, jogam, divulgam conteúdos, estabelecem discussões, dentre diversos outros usos. A rede de Mark Zuckerberg possui atualmente 1.4 bilhões de usuários ativos todos os dias, e detém o maior número de pessoas no mundo. É nesse ambiente também que se tem o maior número de empresas, detendo a atenção e trabalho de 93% de profissionais de marketing que usam regularmente a plataforma. O desafio, com certeza, é atingir o público certo. 

 

Algumas pesquisas conseguem mostrar claramente o comportamento do usuário. É intuitivo pensar que as 13h, é quando as pessoas estão usufruindo do seu momento de descanso do horário de almoço e tem mais tempo para compartilhar assuntos na internet. Enquanto nos finais de semana, o foco das atividades foge do universo on-line, com passeios e descansos mais afastados do computadores e celulares, por isso o engajamento cai. 

 

Uma pesquisa feita pelo The New York Times, lá em 2016, já apontava que o Facebook tem um horário muito relativo de uso. Em média, uma pessoa fica 50 minutos na rede todos os dias. Atualmente a maior audiência estaria concentrada pela manhã, com impulso por volta das 13 horas,  quando a plataforma registra o maior número de compartilhamento. Já às 15 horas, o número é grande de cliques em links. De acordo com a Sprout Social,  os melhores horários no Facebook são na terça, quarta e sexta-feira, das 9h às 13h (horário de Brasília). 

 

Já uma pesquisa da Sprinklr, os dias de maior audiência no Facebook são de terça-feira a quinta-feira, de 11 horas até às 17 horas. No domingo, ocorre um aumento no horário da noite que vai das 20 horas até às 23 horas.

 

Outro estudo elaborado pela Scup, que analisou Facebook, Twitter e Instagram, mostrou que os dias úteis são os mais movimentados no Facebook, sendo a quinta-feira o principal dia. Nos finais de semana, há uma queda na utilização, com domingo sendo o dia menos movimentado. Em relação aos horários, prevalecem de 11h às 12h e das 16h às 17h.

 

Twitter

O Twitter é uma rede social baseada em mensagens curtas de até 140 caracteres. Essa modalidade é chamada de microblog. Ele também permite o compartilhamento de vídeos e imagens por meio de links e possibilita a troca de mensagens diretas entre os usuários. Atualmente a rede contabiliza mais de 350.000 tweets sendo enviados a cada minuto.  

 

É muita informação correndo e o espaço é muito concorrido. O público dessa rede social é formado por pessoas que apreciam troca de informações e ela normalmente dita os trends (assuntos mais comentados) das demais redes. Também serve como segunda tela para os usuários que comentam o que estão assistindo na TV. 

 

As quartas-feiras e sextas-feiras são os dias mais movimentados no Twitter, enquanto o fim de semana a produtividade cai bastante, principalmente aos sábados.  Assim como no Facebook, os dias de semana são os mais agitados e tem forte engajamento às 9h às 15h. 

A rede social também tem um ápice à noite, às 23h, quando o Twitter tem mais usuários postando mensagens. 

Instagram

Atualmente são mais de 1 bilhão de usuários ativos no Instagram, com números impressionantes de engajamento: 15 vezes mais que em outras plataformas. São mais de 50 milhões de brasileiros cadastrados na ferramenta, sendo 25 milhões de perfis corporativos. A conta fecha assim: para cada 10 usuários, 8 seguem empresas pelo aplicativo. Bons números né? Então aproveite e entenda como eles se comportam. 

 

O Instagram tem como base a publicação de imagens e vídeos com legendas. Seu principal foco é o uso em dispositivos móveis, como smartphones e tablets.  Embora já tenha tido seus melhores dias aos finais de semana, a pesquisa do Sprout Social mostrou que a tendência mudou.  

 

Os melhores desempenhos são de segunda a sexta-feira, com pico às 11h.  O melhor dia de engajamento é na terça-feira,  das 11h às 14h.  O pior dia continua sendo o domingo. 

LinkedIn

O LinkedIn é uma rede voltada para o público corporativo. Ele permite conexões entre empresas e profissionais, publicação de currículos, vagas de trabalho, entre outras funcionalidades relacionadas ao âmbito dos negócios. Por sua relação com o mundo profissional, seus principais horários de uso são durante a semana, após o horário comercial.

 

Os melhores horários são de terça a quinta-feira, das 9h às 12h, sendo terça e quarta-feira os melhores dias. Domingo novamente configura o pior dia para postagem por conta do baixo engajamento. 

 

Cuidado: não basta só saber os horários das redes sociais!

Muitas vezes não é suficiente publicar nos horários mais utilizados, pois mesmo que seja o horário em que o público mais acessa as redes, também é o horário que o post da sua empresa irá concorrer com os posts das outras.

 

Ou seja, a atenção que seu post vai ganhar dependerá da qualidade e adequação do conteúdo. Conhecer as principais características de cada rede é essencial, bem como mensurar o resultado que cada postagem feita atinge.

 

Para isso, é necessário estabelecer um planejamento, com objetivos e metas, e uma mensuração posterior para saber se o que foi planejado está de fato sendo alcançado.

 

Como produzir conteúdo de qualidade e relevância para as redes sociais?

Entender os melhores horários para postar nas redes sociais é importantíssimo, mas, como foi dito antes, não é a única questão fundamental. Se você quer melhorar os resultados das suas postagens e conseguir maior engajamento, também é necessário entender o poder de um conteúdo realmente relevante para o canal e seu público.

 

Não se trata apenas de quantidade, mas de qualidade de conteúdo que está sendo oferecido. Para isso, alguns pontos relativos à criação de conteúdo digital devem ser considerados com atenção. Veja a seguir:

 

Características do público-alvo

Esse é um dos pontos mais clichês dentro do marketing, pois é sempre tratado dentro de qualquer estratégia, seja no marketing tradicional (off-line) quanto no marketing digital. Ainda assim, é o quesito mais importante!

 

De nada adianta produzir um conteúdo tecnicamente impecável se ele não estiver totalmente alinhado com o público que você deseja e precisa alcançar. Como conseguir isso? Bom, existem algumas maneiras: análises de comportamento, pesquisas de mercado, criação de buyer personas.

 

Independentemente da estratégia que escolher, o resultado terá de fornecer informações úteis sobre o comportamento de seu público, suas necessidades e preferências, e o que deseja consumir. Esse é o único jeito de ter certeza de que o seu conteúdo estará alinhado com o seu público.

 

Tipo do conteúdo

Existem múltiplas maneiras de publicar conteúdos online: textos, textos com imagens, apenas imagens, vídeos, infográficos, listas, receitas, etc. É preciso escolher o tipo certo de conteúdo de acordo com a rede social e as preferências do seu público-alvo. Adolescentes e crianças gostam mais de vídeo, a geração millennial prefere textos enquanto pessoas com mais de 50 anos curtem mais fotos com infográficos. 

 

Dentro de uma estratégia de marketing digital, sempre deve existir mais de um tipo de conteúdo. Por que? Porque dentro da análise de público-alvo, você vai descobrir que as pessoas que deseja atingir respondem de forma diferente a cada tipo de conteúdo. Assim, é necessário escolher os tipos certos de acordo com o que o seu público costuma consumir.

 

Além disso, cada rede social responde de forma diferente a cada tipo de conteúdo. Por exemplo: no Facebook, posts com textos e imagens, como uma capa, costumam chamar mais atenção dos usuários. No Instagram, as imagens são mais valorizadas enquanto no Twitter, a informação em texto tem mais impacto. 

 

Linguagem

Vamos falar de novo sobre público-alvo? Sim, pois ele é a chave de tudo. Não adianta nada entender as necessidades do seu público, construir um modelo de conteúdo condizente e atraente, se optar por uma linguagem discrepante com esse público a que se destina.

 

O conteúdo deve criar um diálogo e, para isso, as duas partes devem falar “a mesma língua”. Por exemplo, se você quer atingir estudiosos e especialistas de determinado assunto, você deve usar uma linguagem mais rebuscada e com termos técnicos. Se você quer conversar com jovens adultos, no entanto, você vai escrever um artigo com linguagem mais leve e informal.

 

Só existe uma maneira de conseguir alcançar a linguagem ideal: ler assuntos relacionados. Dessa forma o vocabulário amplia e a escrita cria empatia com quem está lendo. Essa conversa aqui, é para o produtor de conteúdo, que deve estar atento à demanda que foi passada. Buscar diversificar a literatura a partir do entendimento de quem vai receber a mensagem. 

Interação

Para que a sua estratégia de marketing digital nas redes sociais tenha sucesso é preciso que haja engajamento por meio do público. Qual é o melhor jeito de conseguir isso hoje em dia? Promovendo a interação!

 

Cada vez mais o público pede atenção nas redes sociais. Para que a sua marca possa participar disso, ela precisa criar diálogos, interagir e mostrar que está prestando atenção no que o público-alvo está dizendo.

 

Para conseguir isso, você deve sempre entreter, conversar, responder comentários, usar hashtags, estar presente em discussões, etc. A sua marca deve se personificar, criando um perfil com quem o público possa se identificar e interagir.

 

Primeiramente defina como será a comunicação da sua empresa. Uma pessoa bem definida ajuda a criar proximidade com o público, que vai se sentir à vontade para interagir. 

Responda todos os comentários, mensagens e menções e demonstre que se importa com os problemas e desafios que são colocados ali. Sempre tenha uma chamada para ação, como:  leia mais, comente aqui, queremos saber sua opinião, dê uma dica, fale o que achou do conteúdo  

 

E então? Já está preparado para divulgar suas empresas nas redes sociais? Então mãos à obra! E não deixe de curtir nossa página no Facebook para ficar por dentro de nossas novidades!

 

Posts Relacionados

SEU NEGÓCIO NO TOPO?

VAMOS CONVERSAR

icone do titulo Certificações

semrush-logo
google-meu-negocio-logo
facebook-certificado-01
facebook-certificado-02
rd-station-certificado
parceiro-de-sucesso-certificado
imbound-certificado

Fale conosco pelo Whatsapp