Nossas últimas novidades

Home Marketing Digital 3 razões pelas quais sua empresa precisa ter presença digital

pessoas na internet 1

10.08.2021 | Por: administrador

Voltar

3 razões pelas quais sua empresa precisa ter presença digital

O mundo está cada vez mais digital. Redes sociais, lojas online, e-mails e diversas outras ferramentas ajudam as empresas a entrarem em contato com prospects e aumentar suas possibilidades de negócio. Porém, ainda existe uma resistência…

O mundo está cada vez mais digital. Redes sociais, lojas online, e-mails e diversas outras ferramentas ajudam as empresas a entrarem em contato com prospects e aumentar suas possibilidades de negócio. Por isso é imprescindível que as empresas invistam na sua  presença digitalmente. Neste artigo, separamos 3 razões porque sua empresa precisa ter presença digital. Quer descobrir? Acompanhe!

  1. Você precisa estar onde os seus clientes estão

Atualmente, mais 134 milhões de brasileiros estão conectados na web. Não é difícil concluir que a presença de pessoas na rede é uma realidade. Sua empresa precisa estar onde os clientes estão e acredite, as conexões possíveis entre essas pessoas são infinitas. Elas estão reunidas sob interesses comuns em grupos, redes sociais, blogs e portais. Seus clientes estão lá, ávidos por uma experiência de compra renovada, que hoje em dia começa sempre por uma busca na internet. 

Dados da GO-Gulf mostram o comportamento das pessoas na internet em todo planeta.  Em primeiro lugar as pessoas usam a web para acessar as redes sociais (22%), depois vêm as buscas (21%), seguidas pelo consumo de conteúdos em geral (20%).

Facebook, por exemplo, é líder absoluto em número de usuários no mundo e foi a primeira rede social a ultrapassar 1 bilhão de usuários em todo o mundo e, atualmente, soma 2.7 bilhões de usuários ativos mensalmente. O Facebook foi a rede social que superou o Orkut, que foi a mais popular no início dos anos 2000 e serviu de referência de ambiente virtual onde as pessoas dividiam informações e participavam de comunidades. Nesta rede social é possível criar interação entre usuário e sua marca, através de blogs, sites e lojas virtuais. 

No Instagram, são 99 milhões de brasileiros, ou seja, pessoas reunidas no ambiente digital que podem ser impactadas pela sua marca. Nesta rede em especial o País é o terceiro no ranking das nações com mais usuários, conforme dados do primeiro trimestre de 2021. Em 2020 o Instagram divulgou ter atingido a marca de 1 bilhão de usuários ativos por mês.

Esses ambientes dão apenas uma mostra da superlotação da internet onde é possível procurar por produtos ou serviços e realizar compras sem sair de casa. As redes sociais servem como apoio, cheio de pessoas e de seguidores que são altamente engajados. Interagem, dão opinião sobre a sua empresa, indica, critica, compra e até contribui com a melhoria dos processos. Se é lá que os seus clientes estão, é lá que você deve estar. 

O Youtube é outra rede social muito potente e aglutinadora de pessoas. Tem uma característica nova, na qual ele assumiu o papel de televisão, deixando essa mídia tradicional de orelha em pé ao perder muita audiência para o site de vídeos. De acordo com informações do Hootsuite, os usuários passam, em média, 11 minutos por dia no YouTube. O site já conta com mais de dois bilhões de usuários logados mensalmente e é o segundo maior da internet, atrás apenas do Google.

Vale lembrar que 70% do conteúdo assistido pelos usuários do YouTube é recomendado pelo algoritmo, mesma porcentagem de pessoas que acessam usando celular. Por isso, invista em SEO no seu vídeo para que ele apareça em destaque nas buscas.

 

  1. É possível vender mais, gastando menos

Existem diversas ferramentas de marketing digital que ajudam os negócios a conseguir mais oportunidades de negócio e aumentar suas vendas. Com certeza você já ouviu falar sobre o Google AdWords, o Ads,  (links patrocinados) e os anúncios no Facebook Ads, não é mesmo? Essas são ferramentas para conseguir mais seguidores e trabalhá-los para que se tornem novos clientes da sua empresa.

No Google Ads é o próprio anunciante quem desenvolve seus anúncios e escolhe onde quer exibi-los, podendo aparecer na rede de pesquisa, em diversos sites pela rede de display ou até em outros produtos como YouTube e Gmail. Há quem pense que Facebook Ads e Google Ads sejam concorrentes, mas eles podem (e devem) ser usados em conjunto.  

O mais interessante nessas ferramentas é que elas têm custo infinitamente menor que o marketing tradicional e com alto potencial de alcance de prospects, pessoas que podem ser seus clientes. Através das ferramentas disponíveis, também é possível ter respostas de comportamento muito rápidas.  Se uma campanha é lançada e não tem o alcance esperado, em poucas horas é possível alinhar novamente a condução da ação. Se comparar os valores de anúncio de mídias tradicionais como revistas, jornais e televisão, o investimento em mídias digitais pagas é muito baixo. 

Além disso, por meio de busca orgânica no Google, é possível que os potenciais clientes sejam atraídos de forma crescente para o site da sua empresa, aumentando as chances de vendas. Isso, sem necessariamente investir em mídias, mas fazendo um trabalho com marketing de conteúdo. Isso tudo pode ser feito de forma gratuita.  

O aumento dos usuários em meios digitais trouxe novas oportunidades para o marketing. Na verdade, esse crescimento incentivou a criação de novas ferramentas, estratégias e táticas para ajudar as empresas a crescerem e conseguirem mais negócios. O marketing digital é uma forma econômica, altamente segmentada e que entrega resultados claros para a empresa.

É econômica, pois os investimentos são adaptáveis e otimizáveis, ao longo do decorrer da campanha é possível alterar a quantia investida de acordo com os resultados. A segmentação é alta, pois é possível colher informações sobre os seus seguidores e aplicá-las no direcionamento da sua campanha. Já os resultados são fáceis de ser mensurados através do uso de métricas e indicadores de desempenho, que mostram se a campanha está entregando os resultados esperados.

 

  1. Você precisa investir em relacionamento

Hoje, todos têm voz no mundo digital. Elogiar ou reclamar de uma empresa nunca foi tão fácil, uma postagem nas redes sociais é o suficiente para mover toda uma comunidade contra ou a favor de uma marca.

A sua empresa precisa estar presente e preparada para estes momentos. Não só para lidar com reclamações e elogios, mas também para nutrir um relacionamento com as pessoas que gostam da sua marca e consomem os seus produtos. Essa relação reduz o tempo que o usuário leva para se tornar um cliente e fortalece os laços entre empresa e consumidor.

A nova jornada de compra começa impreterivelmente pela internet. Ao identificar uma necessidade de compra, o comportamento usual moderno é “dar um google” então pesquisar características, modelos, entregas e preços pela internet. O usuário pode até estar intencionado a ir a sua loja física, mas o primeiro contato acontece no meio virtual. Seja pelo perfil da sua empresa nas redes sociais ou pelo seu site, que são suas mais novas vitrines. 

Mais dados 

A pesquisa TIC Domicílios 2018, mostrou que sete em cada dez brasileiros acessam a internet e 90% disseram se conectar todos os dias. Em 2014, o índice era 71%. Os apps de mensagem como Whatsapp ou FB Messenger foram os mais utilizados entre os entrevistados (92%), seguidos por redes sociais como Facebook, Instagram e Twitter (75%), assistir a vídeos ou ouvir música na web (73%), enviar e-mails (57%), ler notícias online (56%) e procurar informações sobre produtos e serviços (55%).

Do total de entrevistados, 32% relataram ter usado app para transporte privado (como Uber ou 99 Taxi), 28% informaram ter contratado um streaming de vídeo para assistir a uma série ou filme, 12% pediram comida em serviços de entrega e 8% pagaram por música.

Sobre o comércio eletrônico, 60% disseram pesquisar produtos ou serviços em sites, 34% compraram ou encomendaram alguma mercadoria e 19% divulgaram ou venderam algum item pela Internet. Este último hábito foi o que registrou maior crescimento: foi de 7% em 2012 para quase 20% em 2018.

Nunca é tarde para iniciar a sua presença digital nos meios disponíveis. O que não pode acontecer é o seu negócio não estar em nenhuma mídia digital! Aumente a sua presença e comece a colher os benefícios do mundo digital. Para ficar por dentro das atualizações do blog assine a nossa newsletter.

 

Posts Relacionados

dicas-de-marketing-digital-para-empreendedores
  • Data: 14.09.2021
  • Por: Por: administrador

4 dicas de marketing digital para empreendedores

No ano que vem acontecerá um marco na publicidade mundial. Segundo a eMarketer, o dinheiro investido em propaganda televisiva, que sempre levou a maior fatia do mercado de anúncios, pela primeira vez será menor do que o investido em propaganda digital...

Saiba Mais

SEU NEGÓCIO NO TOPO?

VAMOS CONVERSAR

icone do titulo Certificações

semrush-logo
google-meu-negocio-logo
facebook-certificado-01
facebook-certificado-02
rd-station-certificado
parceiro-de-sucesso-certificado
imbound-certificado

Fale conosco pelo Whatsapp