Nossas últimas novidades

Home SEO Taxa de conversão: Como aumentar no seu e-commerce

Taxa-de-conversão-Como-aumentar-no-seu-e-commerce

07.01.2020 | Por: administrador

Voltar

Taxa de conversão: Como aumentar no seu e-commerce

O tempo hoje é de inovação na oferta de produtos, tecnologia e serviços, porém, a fora com que fazemos gestão dos negócios e equipes muda constantemente. A velocidade com que as tecnologias se dobram e tornam mais acessíveis está cada vez mais comprovada. As profissões que mais crescem no mundo são as relacionadas com o […]

O tempo hoje é de inovação na oferta de produtos, tecnologia e serviços, porém, a fora com que fazemos gestão dos negócios e equipes muda constantemente.

A velocidade com que as tecnologias se dobram e tornam mais acessíveis está cada vez mais comprovada.

As profissões que mais crescem no mundo são as relacionadas com o marketing digital, e-commerce e os fomentadores das startups, pois estão inseridos diretamente na busca das inovações e sofrem uma verdadeira avalanche de informações a todo o momento.

E no meio de tudo isso, o cenário mais avassalador é a luta por cada milésimo de porcentagem na taxa de conversão em vendas, pois ela fazer buscar cada vez mais conhecimento, estimula a realização de testes, faz crescer investimentos e propõe desafios constantes no dia a dia.

O assunto do artigo de hoje é justamente sobre a Taxa de conversão. O que é esse termo tão usado pelos profissionais desse mundo gigantesco da internet?

Vamos conceituar para você e dar todas as dicas para que você saiba cada passo rumo ao aumento da Taxa de conversão do seu negócio. Vamos lá?

Conceituando a Taxa de conversão

Taxa de conversão é uma métrica muito importante na análise de campanhas e estratégias de marketing e publicidade online.

O objetivo de medir a taxa de conversão é entender qual o resultado real que tem sido gerado por uma dessas estratégias.

É através que que se avalia os KPIs – Key Performance Indicators, que determinam a eficiência de uma operação de e-commerce ou de qualquer outra plataforma, cujo ambiente online gere receita.

Daí em diante, abre-se a discussão do cálculo da taxa de conversão, pois além de envolver fórmula básica, envolve diversas métricas diferentes, dependendo do ponto de vista contábil ou estratégico.

 

Como a métrica foi convencionada?

O que diversos especialistas em negócios digitais dizem é que é preciso olhar o e-commerce como uma empresa normal, ou seja, física.

O e-commerce não deve ser olhado como uma empresa de categoria diferente das que são as físicas. Como qualquer empresa, seguem parâmetros que levam ao sucesso e ao fracasso, dependendo da atitude que você tenha ao administrá-la.

Alguns casos de lojas online estão dentro de operações maiores que são sincronizadas com lojas físicas, que também vendem por telefone e por atacado.

Seja qual for o modelo de negócio, o objetivo é sempre o mesmo – as vendas.

As métricas têm uma relação direta com o desempenho de uma empresa.

Simplesmente porque elas são quem demonstram, com dados, se os resultados obtidos estão satisfatórios e vão manter o crescimento e a lucratividade de um negócio.

Por isso, avaliar as métricas é um processo fundamental para toda empresa que deseja crescer, pois elas são relacionadas à previsibilidade.

Com eles é possível entender e prever o futuro de um negócio, assim como quais medidas devem ser tomadas para alcançar os objetivos definidos por todos os setores do e-commerce.

Além disso, todas as ações e decisões tomadas devem ser baseadas em dados.

E são as métricas que fornecem esses dados, garantindo decisões seguras e bem estruturadas para aumentar as chances de sucesso.

 

Se as decisões são mais assertivas, você estará poupando tempo e dinheiro que seriam utilizados em ações sem garantia de resultados e sem direcionamento estratégico bem fundamentado.

Por fim, as métricas, principalmente de um e-commerce, também dizem muito a respeito do seu público.

Avaliando os números obtidos pelos processos de compra dos seus clientes, você conseguirá entender o comportamento da audiência e, dessa forma, direcionando ações que aumentam o engajamento e a conversão dos visitantes do seu e-commerce, aumentando ainda mais suas chances de venda.

 

Como calcular a sua taxa de conversão

 

Esse indicador se refere aos índices de visitantes do site que realmente concluem uma compra. É representado pela seguinte fórmula:

Taxa de Conversão = [(Número de Vendas) ÷ (Total de Visitas)] × 100

Por exemplo: se um determinado site teve 100 visitas em um determinado período e efetivou duas transações, a taxa de conversão calculada é de 2%.

 

 

Métricas para aumentar sua conversão

 

Analise o seu público

O primeiro passo para aumentar as vendas é conhecer bem o perfil do consumidor que navega no seu site. Para isso, é fundamental utilizar ferramentas como o Google Analytics.

Com ele, é possível saber, por exemplo, de onde os usuários vêm, quanto tempo eles navegam, quais são os conteúdos mais buscados e a taxa de abandono das páginas.

Com essas informações em mãos, você adequará o site de modo que ele atenda às necessidades do usuário e colocará em destaque os produtos que fazem mais sucesso na sua loja.

Outra forma de conhecer os usuários da sua loja é dialogar diretamente com eles. Isso pode ser feito por meio de formulários no próprio site ou encaminhados por e-mail.

Hoje em dia, existem diferentes ferramentas gratuitas, como o Google Form ou o SurveyMonkey, que auxiliam nessa tarefa.

O mais importante, porém, é que a abordagem seja simpática e objetiva. Evite enviar vários spams por dia para a caixa das pessoas cadastradas no site.

 

Aposte no e-mail marketing

Apesar contraditório, o e-mail marketing é uma ferramenta que, se bem utilizada, pode ser convertida em vendas.

Um fator importante que interfere diretamente nos resultados é ter uma lista qualificada de e-mails.

Pouco adianta comprar uma lista enorme de e-mails de pessoas que não têm qualquer relacionamento com o seu negócio.

Para que ações na internet gerem resultados positivos, é preciso provocar engajamento dos usuários e isso não acontece com quem não tem qualquer interesse pelo objeto em questão.

Sendo assim, o ideal é trabalhar com os usuários já cadastrados no seu site, por mais tentador que seja comprar uma dessas listas com centenas de milhares de e-mails disponíveis por aí.

Por fim, vale lembrar que apenas 25% das pessoas que recebem o e-mail irão abri-lo, em média. E, desse total, apenas 2% vão comprar seus produtos.

Por isso, antes de investir nessa solução, leve esses números em consideração e realize um planejamento eficaz.

 

Atualize sempre o seu site

Outro fator para garantir uma boa taxa de conversão é investir na manutenção técnica do seu site. Afinal, como você quer que o usuário conclua uma compra que dá erro após cada clique?

Para evitar esse tipo de situação, é importante verificar se o e-commerce está compatível com todos os tipos de browsers e sistemas operacionais disponíveis no mercado.

Além disso, lembre-se que cada vez mais os smartphones têm sido utilizados em substituição aos computadores.

O seu site oferece uma versão mobile amigável? Preste atenção em tudo isso e, se possível, conte com uma equipe de TI para corrigir problemas.

 

Outras dicas importantes

 

  • Além das dicas que listamos, existem ainda várias outras soluções simples que podem ser levadas em consideração para aumentar a taxa de conversão:

 

  • Criar o recurso de wish list (lista de desejos), permitindo que o usuário deixe memorizados os produtos que o interessam e não precise navegar por todo o site novamente quando quiser adquirir algum deles;

 

  • Oferecer páginas criativas, com layout atraente, boas fotos e descrição detalhada dos produtos. Jamais economize nos detalhes técnicos da descrição e na qualidade das fotos dos produtos. A combinação de qualidade do conteúdo com o design da página e a facilidade de navegação são pilares para a concretização do processo de compra na Internet.

 

  • Na sacola de compras, disponibilizar de forma clara todos as informações necessárias para a conclusão da compra;

 

  • Oferecer uma boa assistência pós-venda. De modo geral, podemos dizer que não existe uma receita pronta para o sucesso do seu comércio eletrônico. Mas, com as dicas que listamos aqui, você deve ter percebido que dois elementos são chave no crescimento das vendas: o seu site e o conteúdo dele. Por isso, invista na qualidade desses dois itens para aumentar a taxa de conversão. Com certeza essas otimizações vão trazer resultados rápidos e muito eficazes. Embora uma boa apresentação dos produtos seja fundamental, as pessoas confiam muito mais na opinião de outros clientes. Disponibilizar essa informação em modo público pode ser decisivo para o fechamento da venda.

 

Invista em técnicas de SEO

 

As ações de SEO (Search Engine Optimization) têm um grande poder na atração de tráfego qualificado para o seu e-commerce.

Junto com a boa experiência do usuário, também valorizada pelos algoritmos do Google, a otimização de busca melhora significativamente a taxa de conversão. Afinal, quando o cliente encontra exatamente aquilo que ele está procurando, as possibilidades de conclusão da compra são muito maiores.

 

Aprenda configurar os links patrocinados

 

O link patrocinado pode ser considerado uma mídia de performance, que permite otimização das verbas de divulgação conforme o desempenho dos anúncios. Nesse sentido, é muito importante testar diferentes configurações de conteúdo e palavras-chave para garantir a maior correspondência possível à busca dos usuários — o que tende a aumentar a conversão.

 

Realize testes

 

É muito importante que sua plataforma de e-commerce permita a realização de testes A/B: esse método permite que uma mesma página com elementos diferentes possa aparecer de maneira alternada para os usuários, aleatoriamente, visando identificar a opção com melhor resultado.

Para cada tipo de mercado, uma página com determinado layout dará mais certo do que a mesma página com outro layout.

Não há muita explicação para cada comportamento: só descobrimos testando mesmo! Há várias pequenas alterações que podem ser feitas — como a simples cor de um botão, capazes de melhorar muito os índices de conversão.

 

Dê tempo ao tempo para as estratégias engajarem

 

O que faz um produto vender? A primeira resposta talvez seja a necessidade. Em seguida, a credibilidade do comerciante.

Produtos e marcas desconhecidas têm um caminho maior a percorrer até a conquista da tal credibilidade, mas esse esforço acaba sendo negligenciado pelo foco excessivo nas ações de curto prazo.

 

Conclusão

 

Por isso, vale a pena destinar parte do orçamento de marketing para anúncios e conteúdos com os objetivos de alavancar a visibilidade da loja e promover um relacionamento mais estreito com o cliente.

Nesse caso, o foco não será na divulgação de produtos, mas no reforço da identidade e posicionamento da loja perante o público e o mercado.

Com as estratégias corretas e monitoramento sistemático, é possível aumentar bastante a taxa de conversão de e-commerce. Não existem padrões para esse índice: por isso, esqueça os números da concorrência e foque nas particularidades do seu negócio, buscando superar as metas sempre mais.

 

 

 

 

 

 

 

Posts Relacionados

divulgar-ecommerce-atom
  • Data: 30.11.2019
  • Por: Por: administrador

Ecommerce: como ter a sua loja virtual

A forma de consumo mudou com a evolução tecnológica e a tela do celular é a nova vitrine. O comércio online movimenta milhões de reais por ano e é uma das maiores tendências de empreendedorismo. Se você já faz parte dessa evolução...

Saiba Mais

SEU NEGÓCIO NO TOPO?

VAMOS CONVERSAR

icone do titulo Certificações

semrush-logo
google-meu-negocio-logo
facebook-certificado-01
facebook-certificado-02
rd-station-certificado
parceiro-de-sucesso-certificado
imbound-certificado

Fale conosco pelo Whatsapp