Nossas últimas novidades

Home Sites Tendência Outline: entenda a nova forma de layout para 2017!

Tendencia-Outline-entenda-a-nova-forma-de-layout-para-2017

06.03.2017 | Por: administrador

Voltar

Tendência Outline: entenda a nova forma de layout para 2017!

Você sabia que até mesmo seu layout precisa ser otimizado para SEO? E que toda a estrutura de seu site, desde o esboço inicial, precisa ser pensada visando o posicionamento e a indexação da página em mecanismos de busca?

Você sabia que até mesmo seu layout precisa ser otimizado para SEO? E que toda a estrutura de seu site, desde o esboço inicial, precisa ser pensada visando o posicionamento e a indexação da página em mecanismos de busca? Conheça a outline, a modalidade de criação de layout para websites otimizada para técnicas e estratégias de marketing digital.

O que é outline?

Em tradução livre, a palavra outline significa “esboço”. Para o departamento de SEO e webdesign, diz respeito à estrutura do site. É um esqueleto criado antes mesmo da programação e do desenvolvimento da página. Consiste na criação estratégica do site. O profissional responsável pelo outline precisará usar sua inteligência, lógica e conhecimentos avançados em Google Adwords para construí-lo. É no outline que surgirão as decisões sobre como funcionarão os menus, submenus e caminhos dentro do site, além de quantas landing pages e subníveis o site terá.

Como funciona o layout outline?

O que pouca gente sabe é que, geralmente, é o analista de SEO quem trabalha na idealização do outline. Para começar, a pessoa responsável por essa estrutura precisa de uma pesquisa aprofundada de palavras-chave de acordo com as necessidades e objetivos do site. A partir disso, deverá pensar em quais delas são prioritárias para fazer com que o site seja encontrado no Google pelos clientes certos. Então, utilizando o Excel, monta-se um organograma (chamado de “mapa” em algumas agências de publicidade e marketing) que será um guia para as páginas internas do site.

Ali, são decididos quais serão os itens do menu principal (no máximo sete, já que o cérebro humano só é capaz de assimilar até 7 informações distintas de uma vez) e os submenus. Por exemplo, o menu de um restaurante pode ter os itens “Home”, “Quem Somos” e “Unidades”. Ao passar o mouse sobre o último termo do menu, o usuário pode ser levado para um conjunto de submenus com itens como “Fortaleza”, “São Paulo” e “Rio de Janeiro”.

A dificuldade do analista responsável pelo projeto é que cada landing page representa uma camada mais funda dentro da estrutura do website que dificultará o trabalho do Google. Por isso, dependendo das necessidades de cada empresa, o outline deve ser pensado cuidadosamente. Se um salão de beleza deseja fortalecer o termo “Maquiagem para formaturas”, por exemplo, o caminho para a palavra-chave deve passar pelo menor número de submenus possíveis. Prefira o caminho “Destaques > Maquiagem para formaturas” ao invés de “Serviços > Maquiagem > Maquiagem para formaturas”.

Posts Relacionados

erros-comuns-de-usabilidade-que-o-seu-site-não-pode-cometer
  • Data: 12.08.2021
  • Por: Por: administrador

4 erros comuns de usabilidade que o seu site não pode cometer

Atualmente muitas empresas estão investindo na criação de sites com o objetivo de iniciar uma presença digital no entanto, é preciso ter cautela para que essa atuação não seja um fracasso. Um dos principais motivos desse insucesso na internet...

Saiba Mais

SEU NEGÓCIO NO TOPO?

VAMOS CONVERSAR

icone do titulo Certificações

semrush-logo
google-meu-negocio-logo
facebook-certificado-01
facebook-certificado-02
rd-station-certificado
parceiro-de-sucesso-certificado
imbound-certificado

Fale conosco pelo Whatsapp